O Hipódromo / Istambul, Turquia

O Hipódromo foi construído em 203 DC pelo imperador romano Sétimo Severo e, no século IV dC, Constantino, o Grande o reconstruí e o ampliou. O Hipódromo costumava ser o centro de entretenimento, de 120 metros de largura e 80 metros de comprimento, composto por 40 linhas, este podia receber até 100 mil espectadores. Neste decorriam, celebrações oficiais e desfiles, encontros políticos, assim como corridas de quadrigas. Os carros foram desenhados para 4 ou 2 cavalos e representavam quatro frações apoiadas por grupos de pessoas. Cada fração tinha a sua própria cor e, com o passar dos anos, restaram apenas dois deles, os Azuis (que representavam as classes sociais alta e média, ortodoxos e conservadores na medida em que a religião e a política estão em causa) e os Verdes (classe social mais baixa e os radicais em termos de religião e política).

hipodromo istambul

As corridas tinham lugar em torno do eixo central do Hipódromo e era o imperador que ordenava a sua partida. No final, o imperador recebia o vencedor com ouro e uma grinalda. A famosa "Revolta de Nika" teve lugar no Hipódromo, em 531 DC, durante uma corrida entre os Verdes e os Azuis. A revolta causou a morte de 30.000 pessoas. Foi também no Hipódromo, em 1826, que o sultão Mahmut II matou os janízaros, que se tinham rebelado contra ele.

Os cruzados destruiram o Hipódromo, em 1204 e após a construção da Mesquita Azul, o hipodromo perdeu sua popularidade e o seu nome foi alterado para At Meydani (Praça dos Cavalos), onde os otomanos treinavam os seus cavalos. Hoje em dia, o que sobreviveu do Hipódromo são:

hipodromo turquia

O Obelisco Egípcio

Este Obelisco foi trazido de Luxor, onde havia sido erguido em 1490 AC pelo faraó Tutmés III, em frente ao Templo de Karnak comemorando a vitória de seu exército na Mesopotâmia. O obelisco foi construido com granito rosa de alta qualidade e estava deitado em um canto do Hipódromo por um longo tempo. Em 390 DC, foi erguido por Teodósio I em quatro cubos de bronze que tinham sido colocados em um pedestal de mármore. Pode-se ver esculturas nas laterais da base, descrevendo Teodósio e sua família. O obelisco ergue se no Hipódromo, desde o século IV DC, sendo um dos monumentos mais antigos de Istambul.

obelisco egipcio

A coluna Serpentina

Esta é uma coluna de bronze, composta pelos três serpentes que foram entrelaçados criando uma coluna de concreto de 8 metros de comprimento. Essa costumava ser a base de um caldeirão, com três cabeças serpentinas que tinham sido quebradas. A coluna foi feita pelos Gregos após terem derrotado os Persas. Itens de bronze recolhidos a partir de 31 cidades Gregas forma derretidos para a criação do caldeirão e da coluna que foram colocados no templo de Apolo em Delfos. O imperador Constantino trouxe a para Istambul, em 324 DC e colocou-a no Hipódromo. É possível que as cabeças das serpentes estavam ainda intactas em 1.700 AD.

A fonte Alemã

É uma fonte com cúpula localizada na entrada do Hipódromo. O imperador alemão Guilherme II tinha oferecido esta para o Sultão Abdulhamid II como um presente tanto para ele como para a cidade. Foi colocada no Hipódromo, em 1898, contrastando com os antigos monumentos que a rodeavam. O chafariz tem uma forma octogonal e foi desenhado acordo com a estética bizantina.

hipodromo obelisco

O Obelisco murado

Erguido do lado sul do Hipódromo, não se sabe quando foi construído. Este é composto por pedaços de pedra. O imperador Constantino Porphyrogenetus o reparou no século 10 e colocou placas de bronze em sua superfície, mas as placas foram retirados durante a Quarta Cruzada.

Beleza Bizantina

6 dias

Ankara, Capadócia, Istambul, Kayseri

á partir de €850

Legendas da Capadócia

7 dias

Ankara, Capadócia, Istambul, Nevşehir

á partir de €855